Anúncio de subscrição
Partido não disputa eleições e arrisca extinção

Bloco Democrático expõe-se por “uma causa nacional”

15 Jun. 2022 Valor Económico | ANA JENÁRIO (RÁDIO ESSENCIAL) Economia / Política

Candidaturas. Registado desde 2010, o partido não participou nas eleições de 2012 e estava obrigado a disputar o pleito de 2017. Fê-lo através da coligação Casa-CE. Agora, prefere deixar a 'sombra' da coligação, não concorrendo e 'juntando-se' à Unita.

 

Bloco Democrático expõe-se por “uma causa nacional”

Ao trocar a coligação Casa-CE pela Frente Patriótica Unida (FPU), o Bloco Democrático expõe-se a um maior risco de extinção. Por não participar nas eleições de Agosto, fica obrigado a fazê-lo na próxima disputa eleitoral para respeitar a lei dos partidos políticos.

Como resultado do compromisso no âmbito da ‘plataforma de entendimento’ Frente Patriótica Unida, o Bloco Democrático decidiu não apresentar a candidatura própria para as eleições de 24 de Agosto e, como a FPU não é uma coligação de facto, o partido, liderado por Filomeno Vieira Lopes, vai estar ausente do pleito.

Para ler o artigo completo, subscreva o Valor Económico, por transferência, para A006 0051 0000 7172 9933 1532 1 e envie o comprovativo para assinaturas@gem.co.ao ou ligue para 00244 941 784 791 e 00244 941 784 792.