APP VE
A partir de Abril

TAAG retoma voos para Cabo Verde

A Taag vai voltar a operar, a partir de Abril, a rota Luanda Ilha do Sal (Cabo Verde), depois de quase quatro anos de interregno (desde 2016), com vista a racionalização de gastos.

 

TAAG retoma voos para Cabo Verde

O facto foi revelado pelo presidente da comissão executiva da companhia, Rui Carreira, salientando que este destino africano servirá de ponte para a cidade de Havana, capital de Cuba. "Nesse ano de 2019, não vamos abrir nenhuma rota de longo curso.

A Taag vai voltar, sim, a voar para a Ilha do Sal, tentando fazer a ponte Sal/Havana, com dois voos semanais, a partir de Abril", precisou.

Na mesma senda, informou o responsável, a companhia nacional de bandeira, prevê abrir, em Junho, a rota para Lagos (Nigéria), por ser um mercado promissor, e posteriormente talvez para Accra (Ghana).

"Há outros mercados potenciais no continente africano, pois vamos voltar a pesquisar aqui na África Central os voos que fazíamos anteriormente, como Bangui (República Centro Africana) e Douala (Camarões)", anunciou.

Explicou que a actual limitação está no número reduzido de aeronaves, daí que, quando chegarem os aviões da Bombardier (a partir deste ano), a Taag passará a ter uma frota mais folgada, aliada a novas tripulações.

Em relação às novas rotas internacionais, Rui carreira adiantou que Londres (Inglaterra) é um dos mercados que se apresenta como grande promessa para o futuro e que consta das prioridades dessa transportadora angolana.

"Logo que reforçarmos a frota, vamos, entre as rotas da Europa, priorizar Londres, e depois Paris. Os EUA também estão nas nossas intenções, com a modernização da frota", concluiu.