Casal Gates separa-se

Divórcios multibilionários

19 May. 2021 Valor Económico Gestão

PARTILHA DE RIQUEZA. Um dos casais mais ricos do mundo, Bill e Melinda Gates, vai divorciar-se, e com uma fortuna de perto de 150 mil milhões de dólares, a atenção dos media está voltada para o valor do acordo que vai selar o fim do casamento de mais de duas décadas e meia, provavelmente um record do top dos divórcios mais caros do mundo.

 

Divórcios multibilionários

Melinda Gates, aos 56 anos, filantropa, ex-gestora da Microsoft, presença constante das listas de mulheres mais poderosas do mundo, com uma fortuna avaliada em mais de dois biliões de dólares, e casada com o quarto homem mais rico do mundo, deu entrada, no início deste mês, do pedido de divórcio que sela a separação de Bill Gates, ao fim de 27 anos de casamento. Tudo aponta para que venha a ser este o divórcio mais caro do mundo, que, assinado de comum acordo, poderá custar ao fundador da Microsoft metade da fortuna combinada do casal que anda estimada em cerca de 146 mil milhões de dólares.

Sendo que a família reside em Washington e que a lei determina que todos os bens adquiridos depois do casamento sejam divididos igualmente pelo casal, o divórcio poderá custar 73 mil milhões de dólares a Bill Gates.

“Irremediavelmente quebrado” é como o casamento é descrito no documento assinado e, nos últimos dias têm ressurgido, notícias sobre casos amorosos que o multibilionário terá tido dentro da empresa, acusações de assédio sexual desajeitado e sobre ligações entre o Bill Gates e Jeffrey Epstein, que foi acusado de tráfico de meninas para exploração sexual.

 

Os outros nove divórcios mais caros em registo

 1. Jeff Bezos e Mackenzie Scott: 38 mil milhões de dólares pagos por Bezos, o homem mais rico do mundo com 197 mil milhões de dólares, a Scott em 2019, puseram fim a um casamento de 26 anos.

2. Alec e Jocelyn Wildenstein: em 1999, o divórcio do negociador em arte, ao fim de 21 anos de casamento, custou-lhe 2,5 mil milhões de dólares mais 100 milhões anuais durante 13 anos, chegando a um total de 3,8 mil milhões de dólares.

3. Rupert Murdoch e Anna Mann: 1,7 mil milhões de dólares é quanto terá custado ao bilionário investidor em media o divórcio ao fim de 30 anos, em 1998.

4. Bernie Ecclestone e Slavica Radic: em 2009, ao fim de 25 anos de casamento, o acordo custou 1,2 mil milhões de dólares ao executivo da Fórmula 1.

5. Steve e Elaine Wynn: um casal repetente que já se tinha separado depois de 23 anos juntos  que se voltou a casar em 1991 para se divorciar nove anos depois, separou-se em 2010 com um custo de mil milhões de dólares mais 741 milhões em acções do negócio de casinos em Las Vegas.

6. Harold Hamm e Sue Arnall: um cheque de 975 milhões de dólares assinado pelo magnata dos petróleos pôs fim ao divórcio em 2014, mas Arnall só depositou um ano mais tarde depois de lutar para receber mais.

7. Adnam e Soraya Khashoggi: o bilionário saudita pagou 874 milhões para se divorciar em 1982.

8. Dmitry e Elena Rybolovlev: o casamento de 26 anos acabou em 2008 com um juiz a ordenar o pagamento 4,5 mil milhões de dólares que foi reduzido para 600 milhões depois de negociações.

9. Craig e Wendy McCaw: em 1998, o casal separou-se com um custo de 460 milhões pago por Craig à mulher que ajudou a criar a empresa que a rede AT&T comprou mais tarde por 11,5 mil milhões de dólares.

 

 

X