Sindicato acusa juízes de serem parciais

Tribunal suspende greve na Angola Telecom, mas trabalhadores mantêm braço de ferro    

28 Sep. 2022 Empresas & Negócios

Greve. Trabalhadores foram obrigados a retomar os postos esta semana, mas recusam cumprir decisão do tribunal. Alegam que os juízes só ouviram os argumentos da administração. 

Tribunal suspende greve na Angola Telecom, mas trabalhadores mantêm braço de ferro    

Os trabalhadores da Angola Telecom estão a ser obrigados a suspender a greve e a retomar a rotina normal de trabalho depois de o tribunal dar razão à empresa, considerando a greve, que já dura há mais de 90 dias, ilegal.

O sindicato estranha a decisão do tribunal e considera-a “estranha” por se limitar, nas alegações, a repetir os argumentos do Conselho de Administração sem ter ouvido os trabalhadores. Por isso, os trabalhadores mantêm a greve enquanto aguardam pelo recurso interposto no Tribunal Superior.

Para ler o artigo completo no Jornal em PDF, faça já a sua assinatura, clicando em ‘Assine já’ no canto superior direito deste site.