Anúncio de subscrição
Pela terceira vez em menos de um mês.

25% dos clientes da Unitel afectados por “instabilidade” nos serviços

A operadora Unitel revelou que cerca de 25% dos clientes ficaram afectados hoje nos serviços de voz e sms, devido a uma “instabilidade”.

25% dos clientes da Unitel afectados por “instabilidade” nos serviços

De acordo com uma nota da operadora, publicada na sua página oficial, a “perturbação” na rede, registada hoje, afectou clientes de Luanda nas zonas da baixa e Luanda-Sul, Talatona e Kilamba, bem como das províncias de Benguela, e Cuanza- Sul.

A operadora finaliza, na nota, que “lamenta” a situação  e os “transtornos” e garante que “a situação está a ser solucionada”.

Desde a manhã de hoje, milhares de clientes da Unitel, principal operadora de telecomunicações no país, ficaram novamente sem conseguir realizar chamadas através da rede móvel, o que aconteceu pela terceira vez em menos de um mês.

No sábado passado, a operadora informou que os seus serviços estavam a ser afectados por "instabilidade" na rede devido a uma "ocorrência" que não foi especificada.

Já antes, depois da pressão do Instituto Angolano das Comunicações (Inacom) tinha exigido explicações à operadora.

Na quarta-feira da semana passada, o secretário de Estado das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, Mário de Oliveira, reuniu-se com a Unitel e com o Inacom para avaliar as causas das “perturbações nos serviços” identificadas pela própria operadora. Na altura, a Unitel justificou as falhas com “problemas causados pela actualização da rede” e descartou a possibilidade de se tratar de um ciber-ataque.