QUATRO ÚLTIMAS DÉCADAS MOSTRAM CRESCIMENTO ASIÁTICO

China domina o comércio internacional

29 Oct. 2021 V E Gestão
China domina o comércio internacional

Em quatro décadas, o mundo dos negócios praticamente não mudou. EUA, Alemanha, França, Reino Unido e Japão dominaram o comércio internacional. Mas, nos últimos 10 anos, assiste-se ao ‘boom’ chinês. Na década de 1980, a China nem figurava na lista dos primeiros países exportadores. Hoje, lidera a tabela com a particularidade de ser mais exportador do que importador, ao contrário do que acontece com os ‘rivais’ EUA, Alemanha e Japão.

Os japoneses chegaram ao topo da lista, entre os ‘5 Mais’, na década de 1990 e nunca mais largaram a tabela, por força do comércio automóvel e das novas tecnologias. A década de 1990 fica ainda marcada por dois grandes acontecimentos que tiveram influência directa no número de exportações: o salto económico de países asiáticos, em particular, Singapura e Coreia do Sul, e a abertura ao mercado da Rússia, depois do fim da União Soviética. Os russos chegaram a ocupar os 10 primeiros lugares e, com algumas variações, aguentaram-se, mas estão em ‘queda livre’.

Ainda na década de 1990, surge a pequena ilha de Hong-Kong, a chamada China capitalista, que ‘salta’ 10 posições, em 40 anos. Em 1980, era o 17.º Estado mais exportador. Este ano, é o 7.º.

Por continentes, a Europa tem 10 países entre os 20 mais exportadores, a Ásia seis, a América três, o Médio Oriente um e África nem aparece na lista

X