Estado prevê arrecadar mais de 166 milhões AKZ

AGT vende 289 lotes de bens diversos

21 Sep. 2020 Economia / Política

A Administração Geral Tributária (AGT) colocou à venda, neste domingo, em leilão público, um total de 289 lotes de mercadorias diversas.

AGT vende 289 lotes de bens diversos

Foi no caso o segundo leilão online de diversas mercadorias postas em hasta pública, com uma previsão de arrecadar para o Estado 166,9 milhões de kwanzas, dados ainda não confirmados, pois o evento encerrou já depois do fecho desta edição.

No primeiro leilão realizado em Julho, a AGT arrecadou 71 milhões de kwanzas, dos 29 milhões previstos, com a venda de 139 lotes.

As mercadorias em leilão foram concentradas nos Centros Logísticos de Talatona e Aduaneiro do Km 33, em Viana, onde deram entrada, na sua maioria, em 2013, sem qualquer reclamação dos proprietários até aos últimos avisos lançados pela Administração Geral Tributária (AGT).

Conforme nota da Angop, constaram das mercadorias electrodomésticos e equipamentos de telecomunicações (11 lotes), meios contentorizados (50 lotes), mobiliário e utensílios para residência (55 lotes), e peças auto e diversos (38 lotes). O leilão inclui, igualmente, vestuário, calcado e acessórios (37 lotes), além de outros 20 lotes, cuja mercadoria não foi especificada.

Para o leilão, só podem participar os interessados já registados no Portal de Contribuinte da AGT. Ficam de fora técnicos tributários e despachantes de mercadorias. Para aqueles que apostarem nas mercadorias em contentores, terão de comprá-los na totalidade, de acordo com a AGT.

As mercadorias leiloadas constituem artigos abandonados, confiscados ou não desalfandegados pelos proprietários. São mercadorias licitadas quando excedem o prazo nos espaços aduaneiros, estando estipulado, no modal aéreo, 30 dias, para desalfandegamento, no sector portuário 60 dias e para produtos perecíveis 48 horas.

X