Da série 2020

BNA conclui introdução das notas

05 Feb. 2021 Mercado & Finanças

O Banco Nacional de Angola (BNA) disponibilizou aos bancos comerciais 2,4 milhões de notas de cinco mil kwanzas da série 2020, que entraram em circulação quinta-feira, revelou o director do Departamento do Meio Circulante, Sebastião Banganga, indicando que esse valor representa um total de 12 mil milhões de kwanzas.

BNA conclui introdução das notas

O responsável explicou que esse é o valor solicitado pela banca comercial e marca o fim da operação de injecção das notas da série 2020 no mercado. "O dinheiro disponibilizado corresponde à solicitação feita pelos bancos comerciais, mas temos notas suficientes para responder às necessidades do mercado”, disse. 

Ao Jornal de Angola Garantiu que os bancos comerciais vão colocar as notas de cinco mil kwanzas nos dispositivos da rede  Multicaixa como opção inicial para a introdução da nota no mercado, onde a massa monetária em circulação em moeda nacional expandiu 17,21% em 2020, segundo dados do BNA.

A entrada em circulação da nota de cinco mil kwanzas põe fim ao processo iniciado a 30 de Julho último, com a introdução progressiva de cédulas, na mesma proporção da retirada de circulação de notas da Série 2012. 

Naquela altura, em Julho, o BNA insistiu em declarações que retiravam sustentação ao argumento do ajustamento dos preços em alta, algo verificado em processos anteriores, como também refutavam as expectativas que apontavam para a expansão da massa monetária, por se tratar de uma operação de substituição paulatina da família de notas mais antiga, pela nova.

Também não se esperava qualquer injecção, nem o desencadeamento de um processo de criação de "dinheiro acima do dinheiro”, ou seja, o "stock” da massa monetária devia manter-se inalterado. As novas notas, com valor facial de 200, 500, mil, dois mil e cinco mil kwanzas e uma única efígie, a do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto, são também ilustradas com locais turísticos de Angola.

 

 

X