Girabola Zap
Banco BAI
Embaixadores têm 72 horas para abandonar o país

Bolívia expulsa diplomatas espanhóis e embaixadora do México

30 Dec. 2019 Mundo

O governo boliviano está a expulsar do país os diplomatas espanhóis Cristina Borreguero e Álvaro Fernández, assim como a embaixadora mexicana María Teresa Mercado, anunciou esta segunda-feira a presidente interina Jeanine Añez. Os três foram considerados ‘persona non grata’ e têm 72 horas para abandonar a Bolívia, conta o El País.

Bolívia expulsa diplomatas espanhóis e embaixadora do México

Em causa está uma desconfiança do governo boliviano de que os diplomatas espanhóis tinham visitado a residência da embaixadora mexicana em La Paz para ajudar os apoiantes de Evo Morales asilados a sair da habitação. Espanha negou as acusações “categoricamente”, mas Jeanine Áñez insiste que “este grupo de representantes dos governos do México e de Espanha prejudicou seriamente a soberania e a dignidade do povo e o governo constitucional da Bolívia”.

A presidente interina considerou que os diplomatas tiveram uma “conduta hostil” ao tentar “entrar de forma subreptícia e clandestina na residência do México na Bolívia, desafiando os agentes policiais bolivianos e os próprios cidadãos”. A decisão de expulsar os funcionários “não podem passar em branco”, considerou.

Na versão espanhola, a visita dos diplomatas à residência mexicana foi “exclusivamente cortesia”, disse o Ministério das Relações Exteriores da Espanha.

Em comunicado, pode ler-se: “O Ministério de Relações Exteriores concordou com abrir uma investigação dos factos ocorridos durante a visita. Vamos enviar funcionários do ministério em Madrid para a investigação”.