Girabola Zap
Banco BAI
A 29 deste mês

Casa das Artes acolhe concerto de música clássica

20 Jan. 2020 Marcas & Estilos

O pianista francês Simon Ghraichy realiza, a 29 deste mês, na Casa das Artes, em Luanda, um concerto de música clássica em alusão ao ‘Tratado do Eliseu’, a partir das 20 horas.

Casa das Artes acolhe concerto de música clássica

O artista prevê interpretar temas de compositores clássicos e contemporâneos tais como Robert Schumann, Philip Glass e Michael Nyman. Os ingressos já estão à venda na sede da Alliance Française de Luanda a 5.000 kwanzas (estudantes universitários e alunos da AF) ou 10.000 kwanzas (público). Também estarão à venda na Casa das Artes, no dia do espectáculo.

O evento é organizado pela Alliance Française de Luanda. Tem o apoio da Embaixada de França, da Embaixada da Alemanha e do Goethe Institut. É patrocinado pela Total E&P Angola, Dimassaba e Air France e trata-se de uma parceria com a Casa das Artes.

Com apenas 34 anos, Simon Ghraichy é um pianista de renome. É conhecido pelo estilo único, moldado pelas variadas influências culturais (francesas, libanesas e mexicanas), que possibilitam a abertura da música clássica ao público em geral, seduzindo amadores e leigos pela virtuosidade e gosto artístico impecável e pela personalidade extrovertida e carisma.   

Simon Ghraichy formou-se com vários mestres tais como Michel Béroff e Dária Hovorra no Conservatório Nacional Superior de Música de Paris, Tuija Hakkila na Academia Sibelius de Helsinki, antes de conquistar diversos prémios e iniciar a carreira internacional.

Tratado do Eliseu é um tratado bilateral entre a Alemanha e a França, assinado no Palácio do Eliseu a 22 de Janeiro de 1963 pelo chanceler alemão Konrad Adenauer e pelo então presidente francês Charles de Gaulle. Este selou a reconciliação entre as duas Nações e lançou os alicerces de uma paz duradora na Europa.