Liderança no feminino

Dez das líderes mais influentes do mundo

03 Mar. 2021 Sem Autor Gestão

Investimento. São inspiradoras, estão em todos os sectores e países em que a liderança sobressai pela positiva. Constam de diferentes listas por meios de renome como CEO Magazine, Forbes e Business Insider e o VE reuniu apenas 10. Em mês das mulheres, poder ao feminino.

Dez das líderes mais influentes do mundo

1- Kamala Harris – é a número dois da cadeira mais poderosa do mundo depois de ser eleita a primeira mulher vice-presidente dos EUA. É afro e indo descendente, filha de imigrantes e foi procuradora geral em 2010, tornando-se famosa pela negociação que abandonou até que as condições que impôs fossem cumpridas pela banca. Tornou-se senadora em 2016.

 

2- Christine Lagarde – a francesa foi a primeira mulher a assumir a direcção do Banco Central Europeu, e também a primeira mulher responsável pelo Fundo Monetário Internacional de 2011 até 2019. Formada em lei do trabalho foi também nadadora da equipa nacional.

 

3- Jacinta Ardern – A premier da Nova Zelândia foi o exemplo de maior sucesso de gestão durante a pandemia e para além de ser mulher, foi mãe recentemente e é a mais nova primeira-ministra do mundo. Teve o mérito de depois do Massacre de Christchurch que vitimou 51 pessoas, ter conseguindo aprovar a ilegalização de armas semiautomáticas.  

 

4- Ângela Merkel – A Sra da gestão macro alemã tornou-se na líder mais consensual no seu pais e em 14 países europeus à frente de qualquer outro líder na região. Foi a primeira chanceler da história alemã e saiu a seu pedido este ano do cargo que ocupava desde 2005.fez frente à onda de nacionalismo que invadiu a europa e permitiu a entrada a mais de um milhão de deslocados sírios. O PHD em físico-química fez da também cientista uma das mais bem-sucedidas durante a pandemia do covid.

 

5- Melinda Gates – Ocupa o lugar de 5ª mulher mais poderosa do mundo, segundo a Forbes, pela posição da maior organização de filantropia do mundo e que gere um orçamento de mais de 40 mil milhões de USD. Mulher de Bill Gates é conhecida pelo investimento em áreas que vão desde a educação, à contracepção, e programas de saneamento orientados frequentemente para jovens mulheres em países em vias de desenvolvimento.

 

6- Tsai Ing Wen – A presidente de Taiwan, é a primeira na região asiática a ter chegado ao cargo sem pertencer a famílias com histórico de governação e sem marido. Tem um doutorado em Lei Comercial da London School of Economics e tornou-se algo como heroína do povo e uma das líderes mais respeitadas pela sua capacidade de negociação e depois da pandemia que só fez 7 mortes no país.

 

7- Kiran Mazumdar-Shaw – a líder da maior produtora de insulina no continente asiático, começou no negócio da fermentação e tornou-se multibilionária por esforço próprio, com a fundação da sua Biocon em 1978. Com uma abordagem de inovação acessível e saúde para todos a empresa fornece mais de dois mil milhões de doses de insulina rendendo em 2019 cerca de 800 milhões de USD. Shaw viu a sua empresa ultrapassar a marca dos mil milhões no primeiro dia em bolsa em 2014.

 

8- Joey Wat- de criança trabalhadora numa fábrica aos nove anos a CEO de uma companhia na lista das 500 maiores do mundo, dona da maior cadeia de restaurantes na China com mais de 10 mil de portas abertas em 1400 cidades, Joey Wat tem uma história de liderança de impressionar. Antes de assumir a empresa Yum China estava em pleno declínio e passou a registar lucros de quase 100 milhões no ano passado.

 

9- Naomy Osaka – aos 23 anos é digna de menção por se ter tornado a atleta mais bem paga da história com um registo em 2020 e apesar da pandemia de mais de 37 milhões de USD em 12 meses. Três vezes campeã do Grand Slam em representação do Japão, a atleta que tem também descendência afro tornou-se também um símbolo de intervenção na esfera pública através da advocacia contra a brutalidade policial.

 

10- Ozlem Tureci – a mente que ao lado do marido Ugur Sahim há um ano estava investida na luta contra o cancro através da BioNTech foi a primeira a entregar ao mundo uma vacina contra o covid 19. O casal turco já era multibilionário graças à venda da sua primeira empresa farmacêutica mas actualmente a BioNTech vale 21.9 mil milhões de USD pelo desenvolvimento de uma vacina em 11 meses quando o record anterior era de 4 anos.

 

 

 

 

X