Girabola Zap
Banco BAI
Com condições seguras

Espanha prevê retomar turismo estrangeiro em Julho

21 May. 2020 Mundo

O Governo espanhol estima que só em Julho o país possa voltar a receber turistas estrangeiros em segurança, devido à covid-19, o que preocupa as empresas do sector, que temem ficar em desvantagem na captação de reservas.

Espanha prevê retomar turismo estrangeiro em Julho

A vice-presidente do executivo espanhol Teresa Ribera, responsável pelo regresso gradual à actividade, considerou hoje numa entrevista à agência Efe que uma abertura prematura seria uma "irresponsabilidade" que poderia colocar em risco a população espanhola.

Segundo esta responsável governamental, a retoma do turismo estrangeiro em Espanha só deverá ser feita em Julho em condições seguras.

"Temos de ser muito cuidadosos para assegurar que as pessoas que venham não corram riscos, porque chegam a um destino seguro, e ao mesmo tempo que não sejam um risco para a população local”, afirmou, acrescentando que o país quer “trabalhar sobre origens e destinos seguros” e está a “pensar” numa abertura “mais no mês de julho do que no de junho”.

Teresa Ribera, que também é ministra para a Transição Ecológica e o Desafio Demográfico, explicou que a chegada de turistas estrangeiros "provavelmente seguirá o mesmo ritmo do processo de desconfinamento", cuja última fase está prevista para finais de Junho ou inícios de Julho.

A Espanha é um dos países mais atingidos pela pandemia da covid-19 que, a nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, já provocou mais de 325 mil mortos e infectou quase cinco milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (93.214) e mais casos de infecção confirmados (mais de 1,5 milhões).

Seguem-se o Reino Unido (35.704 mortos, cerca de 250 mil casos), Itália (32.330 mortos, mais de 227 mil casos), França (28.132 mortos, mais de 181 mil casos) e Espanha (27.888 mortos, mais de 232.555 casos).