CNE
Seguradora sem propostas válidas

Igape continua à procura de um comprador para a Ensa

A seguradora Ensa vai passar por um novo processo de privatização por não ter recebido propostas que “reflectissem o seu valor real”, afirma o Instituto de Gestão de Activos e Participações do Estado (IGAPE).

Igape continua à procura de um comprador para a Ensa

Segundo uma nota do Igape, depois de o período previsto para recepção, análise e negociação das propostas no âmbito do processo de privatização, o instituto decidiu dar por findo o processo de privatização da seguradora, por não ter recebido propostas que reflectissem o valor real “bem como o seu potencial futuro”.

A privatização da Ensa foi aberta a 10 de Junho de 2021 e contemplava a alienação de 51% do capital social por via de um concurso limitado por prévia qualificação, dirigido a investidores nacionais e estrangeiros. “O processo atraiu o interesse de vários investidores de referência, quer angolanos, quer além-fronteiras, porém, o contexto económico e financeiro conturbado pelo impacto da pandemia de covid-19 impediu o alcance dos objectivos pretendidos”, salienta o Igape.

O Instituto refere ainda que, após a conclusão das várias fases previstas no procedimento, e com base nos critérios de adjudicação previstos, no cumprimento da sua missão de execução do Programa de Privatizações (Propriv), decidiu promover um novo processo de privatização da seguradora para “maximizar o seu valor e reforçar a sua estratégia de crescimento, enquanto empresa de referência para a dinamização do mercado de capitais angolano”.

A nova fase de privatização será via bolsa de valores. “As alterações do contexto macroeconómico de Angola para um novo ciclo de crescimento animam as perspectivas futuras, associadas à abertura do mercado de acções na Bodiva”