Girabola Zap
Banco BAI
BIÉ

Panificadoras estão condicionadas por falta de farinha de trigo

28 Jul. 2016 Sem Autor País

O abastecimento insuficiente de farinha de trigo que se regista nos mercados (formal e informal) do Kuito, Bié, está a condicionar o normal funcionamento de duas das principais panificadoras da região.

Uma das consequências dessa situação, que já dura há dois meses, é a fraca produção de pão. Segundo o director provincial da Indústria, Geologia e Minas, Antunes Sapalo, que prestou a informação à Angop, na base deste constrangimento está a escassez de divisas que o país regista, como resultado da baixa do preço do petróleo no mercado internacional.

Disse que a escassez de divisas está a dificultar a importação da farinha de trigo.

Manifestou-se confiante em relação as medidas em curso para ultrapassar as dificuldades para a importação da farinha de trigo e de outros bens essenciais.

Face a esse quadro, aconselhou os consumidores do pão a manterem-se confiantes nas acções que o Executivo tem em curso para ultrapassar esse quadro. Na cidade do Cuíto, o saco de farinha de trigo de 50 quilogramas está a ser comercializado a 28 mil kwanzas, enquanto um pão custa 50 kwanzas.

Nove padarias e quatro pastelarias estão registadas na cidade do Kuito. Só as padarias garantem 228 postos de trabalho.

X