Anúncio de subscrição
Arosal prevê continuação de quebra

Preço do sal desceu 25% nos últimos três anos

PRODUÇÃO LOCAL.Importação de 20 mil toneladas
em Março deixou o mercado instável. E Reserva Alimentar
ainda não é uma realidade para os produtores nacionais, segundo responsável da associação.

Preço do sal desceu 25% nos últimos três anos

O preço da tonelada do sal no mercado interno registou, nos últimos três anos, uma queda de 25%, saindo dos 120 mil kwanzas, em 2019, para os 90 mil em 2022.

Totas Garrido, presidente da Associação dos Produtores e Transportadores de Sal de Angola (Aprosal), acredita que a tendência de baixa do preço está relacionada com a disponibilidade de insumos no mercado interno, como linhas e sacos.

Para ler o artigo completo, subscreva o Valor Económico, por transferência, para A006 0051 0000 7172 9933 1532 1 e envie o comprovativo para assinaturas@gem.co.ao ou ligue para 00244 941 784 791 e 00244 941 784 792.