APP VE
COM NOTAS ALTAS DADAS PELOS TRABALHADORES E CONSULTORES

Satya Nadella, o melhor CEO dos EUA em 2018

17 Dec. 2018 Suely de Melo Gestão

DISTINÇÃO. CEO da Microsoft recebeu 82 pontos dos 100 possíveis. Nadella é conhecido por ter feito a substituição do Hotmail pelo Outlook, serviço de ‘e-mail’ que conta com mais de 400 milhões de usuários cadastrados. Em 2017, lançou o livro ‘Hit refresh’, que foi elogiado pelo fundador da Microsoft, Bill Gates.

 

Satya Nadella, o melhor  CEO dos EUA em 2018

Satya Nadella, CEO da Microsoft, foi eleito o melhor director-executivo dos EUA em 2018 pelo site Comparably, especializado na revelação de informações sobre salários e cultura das empresas das principais indústrias.

Comparativamente ao ano anterior, Satya Nadella sobe quatro posições e destrona Marc Benioff, CEO da Salesforce, que passa para a nona posição.

A classificação da Comparably é realizada com base na opinião de colaboradores e funcionários das empresas. A pontuação média de Nadella foi de 82 pontos dos 100 possíveis, enquanto toda a equipa executiva recebeu 71 pontos.

Na tendência dos votos, as mulheres atribuíram 82 pontos e os homens 81. Em termos de departamento, recebeu a maior pontuação da área de vendas que atribuiu 90 pontos, enquanto, no lado oposto, está o departamento jurídico que atribuiu 76 pontos.

Satya Nadella agrada mais aos funcionários com menos de um ano de casa e os que têm entre cinco e 10 anos na empresa. Nos dois departamentos, conseguiu 84 pontos, a pontuação máxima no referido item. A mínima foi de 80 atribuída pelos funcionários com mais de 10 anos de trabalho na ‘gigante’ de tecnologia. No total, participaram na votação, que é secreta, 1.366 funcionários.

De acordo com Jason Nazar, co-fundador e CEO da Comparably, todos os funcionários deram nota alta à actuação do CEO, que é considerado, por eles, “alguém que partilha os resultados bons e lida de forma justa com os problemas da empresa”.

Satya Nadella nasceu em 1967, cresceu em Hyderabad (Índia) e mudou-se para os EUA após a graduação em 1988. É formado em Ciência da Computação pela Universidade de Wisconsin-Milwaukee e tem um MBA pela Escola de Negócios Universidade de Chicago. Trabalhou com a Sun Microsystems, como membro da equipa de tecnologia antes de ingressar na Microsoft, em 1992.

Em 2013, foi promovido e passou a gerir a área de ‘cloud’ da Microsoft. Chefiava as ferramentas de desenvolvimento e serviços de nuvem como o Windows Azure, Windows Server, SQL Server, Visual Studio e System Center das quais dependem serviços como o Bing, Sky Drive (actualmente One Drive), Xbox Live e Skype. É CEO desde 2014.

“Depois que Nadella entrou na área de serviços na ‘nuvem’, a Microsoft conseguiu óptimos resultados, porque introduziu rapidamente versões mais modernas dos seus principais serviços”, observa James Statan, da Forrester.

Entre os principais sucessos de Nadella, consta a substituição do Hotmail pelo Outlook, ocorrida em Agosto de 2013. Segundo a Microsoft, o Outlook é o serviço de ‘e-mail’ que cresce mais rapidamente em todo o mundo, com mais de 400 milhões de usuários cadastrados. “Uma característica de Nadella é pesquisar muito antes de optar por um caminho.

Depois disso, não volta atrás”, descreve James Statan. Nadella também foi vice-presidente de pesquisa e desenvolvimento na divisão de serviços online e vice-presidente da divisão de negócios.

“Inovador com olhos no futuro”

Colegas do ramo caracterizam-no como alguém “perspicaz e inovador”. Segundo eles, em reuniões presenciais, Nadella demonstra um interesse de engenheiro, tentando perspectivar como o mundo estará daqui a três ou cinco anos e “não com uma” ânsia de vendedor por fechar negócios antes do dia 30 do mês.

Muitos consideram que a sua mente “não está presa à propaganda da Microsoft”, o que pode explicar a causa da queda do anterior CEO. “Ele vem sozinho, sem comitiva. Dos executivos da Microsoft que já conheci, ele é o que mais se auto-questiona. E também é brilhante como estrategista de ‘software’”, revela Jim Goetz, da Sequoia Capital – que ocupa o primeiro posto como investidor de risco na Lista Midas da Forbes, deste ano.

Em 2017, Satya Nadella lançou o livro ‘Aperte o F5 – a transformação da Microsoft e a busca de um futuro melhor para todos’, que foi prefaciado por Bill Gates e chegou a ser um recorde de vendas nos EUA.

Quando Satya Nadella assumiu o cargo de terceiro CEO na história da Microsoft, a companhia enfrentava uma fase desafiadora de transição. No livro, revela as transformações pelas quais passou a empresa e partilha a sua visão de futuro de como a tecnologia vai ter um impacto na vida das pessoas com a chegada da inteligência artificial, a realidade mista e a computação quântica.

Completam o top 10 dos CEO norte-americanos Craig Menear (The Home Depot), Sundar Pichai (Google), Brad Smith (Intuit), Brian Halligan (Hub Spot), Jeff Bezos (Amazon), Bert Bean (Insight Global), Alex Shootman (Workfront), Marc Benioff (Salesforce) e John Legere (T-Mobile).