Como petrolífera do ano

Sonangol premiada

12 Nov. 2021 Empresas & Negócios

A Sonangol foi distinguida como “Companhia Petrolífera Nacional do Ano” pela Câmara de Energia Africana (CEA), num acto realizado na Cidade do Cabo, África do Sul.

Sonangol premiada

A distinção foi outorgada à petrolífera nacional "por desempenhar um papel fundamental na redução da pobreza energética”, ao mesmo tempo que por assegurar ambientes favoráveis ao investimento, segurança energética e liderança dentro do sector dos hidrocarbonetos.

Com a premiação, realizada na "Semana da Energia Africana”, a CEA pretende honrar as companhias petrolíferas nacionais que "fazem enormes esforços para electrificar a  região através de estratégias operacionais inovadoras e de gestão de receitas”, aponta-se no comunicado emitido pela CEA para anunciar a distinção.
A nível dos países lusófonos em África, o projecto de exploração de gás da italiana ENI em Moçambique, também recebeu um prémio.

O projecto Coral Sul venceu o galardão sobre a "Monetização de Gás em África do Ano”, que reconhece as companhias e os projectos que estão a desafiar as probabilidades da Covid-19 e as restrições da indústria, promovendo a monetização do gás no continente para suprimir o défice de pobreza energética e liderar a transição energética.

A Câmara de Energia Africana atribuiu ainda  o "Prémio de Vida” ao antigo subsecretário dos Recursos Energéticos dos Estados Unidos Frank Fannon, ao secretário-geral do Fórum dos Países Exportadores de Gás, Yuri Sentyurin, e a Timipre Sylva, "pelos passos corajosos que deram para promover o bem estar dos cidadãos africanos e melhorar o funcionamento e a rentabilidade dos mercados da energia e dos hidrocarbonetos”.

 

X