CNE
petróleo e gás

Azule Energy inicia operação reafirmando intenção de ser maior produtor

03 Aug. 2022 Economia / Política

CRUDE. Nova empresa prespectiva produzir 250 mil barris/dia de petróleo nos próximos anos. Azule Energy resulta da junção dos activos em Angola da italiana Eni e a britânica BP.

Azule Energy inicia operação reafirmando intenção de ser maior produtor

 Azule Energy anunciou, esta semana, o início das operações, depois da sua criação em 2021, como resultado da junção dos activos em Angola das petrolíferas Eni Energy e da BP Energy. Na altura, a empresa afirmou-se como o futuro maior produtor independente de petróleo e gás em Angola, o que representaria o destronamento da hegemonia da francesa Total Energy. Com o arranque das operações, a intenção de colocar-se no topo das operadoras foi reafirmada.

A joint-venture, que é detida em partes iguais por ambos accionistas, arranca detendo dois mil milhões de barris equivalentes de recursos líquidos e perspectiva aumentar a produção de petróleo e gás para cerca de 250 mil barris equivalentes por dia (boe/d), durante os próximos cinco anos.

Para ler o artigo completo no Jornal em PDF, faça já a sua assinatura, clicando em ‘Assine já’ no canto superior direito deste site.