Girabola Zap
Banco BAI
DIFICULDADES FINANCEIRAS PROVOCAM DESISTÊNCIAS

Expositores tradicionais ausentes da FIB

ATRACÇÃO DE INVESTIMENTOS. A Arena Eventos diz ter tudo ´arrumado´ para o arranque da 6ª. edição da Feira Internacional de Benguela, a partir de 18 de Maio, mas lamenta a morosidade nas inscrições e a desistência de tradicionais expositores.

 

Arena Eventos explica que até ao momento terão sido já aplicados 50 milhões de kwanzas na organização da 6ª. edição da Feira Internacional de Benguela, segundo indicação da Arena Eventos. O montante em causa foi repartido entre custos de logística, transporte, montagem, manutenção e desmontagem, recursos humanos, publicidade e comunicação, entre outras operações.

Na edição passada, estiveram presentes 220 expositores. Para este ano, até à data do fecho da edição, do VALOR estavam inscritas apenas 120 expositores, esperando-se que se atinjam 200 empresas, menos vinte que na edição anterior.

Este ano, algumas das empresas tradicionais estão a optar por reduzir os espaços para exposição de produtos e serviços, “por alegadas dificuldades financeiras”, enquanto outras, pelas mesmas razões, estão a desistir, abrindo espaço para novas empresas.

De acordo com a gestora de comunicação da Arena Eventos, Célia Cordeiro, o processo de inscrição das empresas tem sido mais moroso, sendo que “muitas aguardam pelos seus resultados do primeiro trimestre para decidirem a sua participação”.

Face à realidade, a FIB efectuou uma actualização nos preços de tabela. Por outro lado, tem apostado na realização de protocolos de parceria com algumas associações, oferecendo descontos aos seus associados, como é o caso da AIA (Associação Industrial de Angola) e da CEEIA (Comunidade de Empresas Exportadoras e Internacionalizadas de Angola), permitindo, desta forma, contribuir para manter os mesmos níveis de participação dos anos anteriores.

Em termos de novidades, a presente edição dá particular destaque à parceria realizada com numa empresa local que irá assegurar um serviço de transfer diário (transporte de passageiros) para o estádio nacional de Ombaka.

Segundo a organização, este serviço estará disponível a partir dos municípios de Benguela e Lobito, durante a realização da feira e tem um custo, por viagem, de 100 kwanzas. Prevê-se também a realização de conferências, workshops e seminários.

A expectativa dos organizadores é de que o momento seja aproveitado pelos intervenientes para a troca de contactos de negócios e promoção do potencial económico e regional do Sul.

Organizada pela Eventos Arena e patrocinada pelo Governo de Benguela, a título apenas institucional, a feira decorre de 18 a 22 de Maio. A FIB tem, como principal objectivo, mostrar o potencial económico e industrial da região litoral e sul do país, “quebrando a tradição da realização de feiras apenas em Luanda e de atrair investidores nacionais e internacionais capazes de contribuírem para o progresso da região”.

X