Vítima de doença

Morreu Albano Lussaty, homem do agronegócio e conselheiro da República

O presidente da Confederação das Associações de Camponeses e Cooperativas Agro-pecuárias de Angola (Unaca), Albano Lussaty, morreu, no sábado, vítima de doença.

Morreu Albano Lussaty, homem do agronegócio e conselheiro da República

Albano da Silva Lussati, de 67 anos, foi um dos fundadores da Cooperativa Agropecuária Centro Lufefena e membro do Conselho Económico e Social e do Conselho da República.
Lussaty era formado em Gestão Cooperativa e em Agro-negócio pelo Instituto António Sérgio, em Portugal.
Conhecido como uma pessoa “afável” e de trato fácil, o líder cooperativo deixou a sua marca no agronegócio nacional. Várias figuras e associações lamentaram a sua morte. Entre elas, Presidente da República. Numa mensagem de condolências, João Lourenço lamenta a morte do seu conselheiro destacando a sua "sólida formação" em gestão cooperativa e em agronegócio.

A Associação de Jornalistas Económicos de Angola (AJECO) também lamentou a sua morte. Numa mensagem, a AJECO “considera uma perda irreparável”.

 

 

 

X