CNE
António Miguel

António Miguel

Para obterem resultados mais profícuos, o Serviço de Contratação Pública, os reguladores de mercados e as empresas públicas deviam sair da esfera do Ministério das Finanças, segundo o consultor em regulação e desenvolvimento organizacional, Miguel Ângelo Vieira. O especialista lamenta a parceria privada entre a Reserva Estratégica Alimentar e a empresa privada Carrinho e antecipa que o Propriv terá maus resultados, porque os compradores das empresas públicas estão em incumprimento.

LITERATURA.Sérgio Raimundo, autor do prefácio, assinala que o autor faz uma abordagem do tema numa perspectiva pedagógica, com o desígnio de contribuir para a rápida e fácil compreensão do problema e consequente mobilização dos interessados no processo de debate sobre o branqueamento de capitais.

ANÁLISE. Com três anos de implementação e 80% dos projectos por implementar até ao fim do ano, Programa Integrado de Intervenção nos Municípios não está a provocar transformações, nos bairros e nem nas aldeias, alertam diferentes actores da sociedade civil.