Anúncio de subscrição
Por causa do forte aumento dos custos de transporte

Guerra na Ucrânia agrava falta de pipocas e cerveja no mundo

19 Jun. 2022 Mundo

A guerra na Ucrânia está a agravar a falta de alguns produtos que habitualmente estão disponíveis em abundância. O problema não está na existência dos bens mas sim nas cadeias logísticas que permitem que depois estejam à venda para o público.

Guerra na Ucrânia agrava falta de pipocas e cerveja no mundo

Em muitos casos, também os produtos estão mais caros, por causa do forte aumento dos custos de transporte.

Na Alemanha, por exemplo, as produtoras de cerveja têm falta de garrafas e estão a pedir aos consumidores para as devolverem depois de as beberem. As cervejeiras alemãs já têm estado a sofrer com a subida dos custos da energia e da cevada.

 Nos Estados Unidos, o principal problema é a falta de pipocas, numa altura em que os espectadores estão a voltar às salas de cinemas. Os agricultores estão a abdicar do milho para apostar em culturas mais lucrativas. Ainda nos cinemas, escasseiam bens como copos e sacos de papel.

A falta de comida também chegou às cadeias de comida rápida (fast-food): no Reino Unido, a McDonald’s agora só põe uma rodela de tomate em vez das habituais duas. Noutras geografias, a empresa teve de suspender a venda de batatas fritas em alguns menus por motivos logísticos. Na Austrália, a rival KFC teve de trocar a alface nos hambúrgueres por couve.

                                                                                                                       Eco