Banco BAI
César Silveira

César Silveira

Editor Executivo do Valor Económico

Defende que, se no passado, se tivesse optado por um “escrutínio maior” às pessoas politicamente expostas evitar-se-iam muitas das coisas que estão a ser combatidas agora. É favorável à revisão da Constituição ainda que a única razão seja acabar com a indicação pelo Presidente da República dos títulares dos órgãos de justiça e da PGR. Reprova as alianças no combate à corrupção e dá nota positiva à DNIAP. 

ANÁLISE. Orçamento Geral do Estado para 2020 indicia enormes desafios, visto que canaliza grande parte das verbas para o pagamento da dívida e pouco ou quase nada para o investimento. Conclusão do plano de 2019 de licitação de blocos petrolíferos e o mercado cambial também constam dos principais desafios.

ANÁLISE. Contrariamente às três primeiras edições, este ano a redacção do VALOR não escolheu para personalidade do ano uma pessoa, mas sim um facto: o IVA. Por tudo o que causou antes e depois da sua implementação, este imposto sucede a João Lourenço, que foi a escolha das duas últimas edições. Isabel dos Santos foi a eleita de 2016.